29 novembro, 2013

Resenha A Lista do Nunca


  Olá leitores.
  A leitura de A Lista do Nunca foi feita no kindle, terminei ontem mas só agora consegui concluir a resenha.


Sinopse: Depois de um acidente de carro que sofreram quando ainda tinham dez anos, Sarah e Jennifer, amigas inseparáveis, passaram anos escrevendo o que chamaram de Lista do Nunca: uma lista de ações e atitudes que deveriam ser evitadas, a qualquer custo, para que se mantivessem sãs e salvas. Numa noite, no entanto, ao entrarem em um táxi, o destino das duas garotas as levou a um lugar que certamente não considerariam nem um pouco seguro. Sequestradas por um homem frio e adepto do sadismo, elas ficam acorrentadas em um porão com mais duas garotas por três anos. Dez anos depois de conseguir fugir, Sarah ainda tenta levar uma vida normal. Seu contato com pessoas se limita ao porteiro que diariamente entrega o que ela precisa para sobreviver e à sua psicóloga, que tenta ajudá-la a enfrentar cada novo dia. Seu sequestrador, porém, está prestes a conseguir uma condicional e, mais do que preparar um belo discurso de vítima, Sarah sente que este é o momento de agir. Para isso, vai enfrentar seus terríveis traumas em busca de uma história que nunca fora revelada.

Editora: Paralela
Autor: Koethi Zan
Páginas: 272
Comprar: AQUI


Sobre a História e Minha Opinião

"Quando a ficção é tão assustadora quanto a realidade."

  Duas amigas, Jennifer e Sarah, achavam que estariam seguras após passar anos escrevendo diários com listas estratégicas de proteção que seguiam à risca...até irem pra faculdade, e começarem a abrir a guarda achando que era possível viver normalmente como todo mundo sem ficar se cercando de limitações  tentando prever o perigo.
"Tínhamos, quase automaticamente executado nossas estratégias de proteção com foco e precisão militar, fazendo de todos os dias um exercício de segurança contínua. Todas as atividades tinham três pontos de checagem, um regra e um plano alternativo. Estávamos atentas."
  Esses diários passaram a ser escritos quando elas sofreram um acidente de carro aos 10 anos de idade que resultou na morte da mãe de Jennifer.
  Jennifer e Sarah tornaram-se amigas inseparáveis, e seguiam à risca as regras, mas isso não impediu que elas fossem sequestradas e mantidas presas em um porão por 3 anos.
  Quando chegaram a esse porão ali já se encontravam outras duas mulheres sequestradas: Cristhine e Tracy.
  Depois de 3 longos anos sendo maltratada, humilhada, torturada, dominada, Sarah consegue fugir, e mesmo após 10 anos de todo o ocorrido a vida dela nunca mais foi a mesma, ela vive completamente isolada em seu apartamento, evitando todo e qualquer contato com o mundo externo.  
"Eu simplesmente preferia ficar na segurança do meu casulo em meio a um mundo que me parecia estar girando sem controle."
  Mas ao saber que seu sequestrador pode vir a conseguir a liberdade, ela mesmo com suas limitações psicológicas devido ao trauma, decide agir e investigar tentando encontrar algo que os investigadores tenham deixado passar e que possa, não só tirar o sádico definitivamente de circulação, mas também esclarecer o que aconteceu com Jennifer. 
  O sequestrador é um algoz e cometia todos os tipos de 'atos degradantes' e tortura com suas vítimas.
"Eu não precisava carregar todo o fardo nas costas; porém, mesmo que não fosse responsável pela dor de todas as pessoas envolvidas, eu tinha uma obrigação em relação a Jennifer. Eu devia isso a ela."
  Thriller não é o meu gênero favorito, comecei a ler esse livro sem ideia do que se tratava, e foi uma surpresa o que encontrei e como me vi perdidamente arrebatada.
  A narrativa é feita por Sarah, mesclando passado e presente, então já de antemão sabemos que ela se livra do cativeiro, mas esse não é o foco da história e sim como ela fugiu, onde está Jennifer e os mistérios que cercam os envolvidos nessa máfia de tráfico e escravidão....sim, essa história envolve tráfico de pessoas e escravidão de uma maneira que eu nem imaginava que pudesse existir.
"Inimaginável. Mas inegável."
  A verdade dessa  história é realmente magnífica, com revelações surpreende no desfecho. Cada personagem foi perfeitamente caracterizado, não só os principais, mas todos, tornando a narrativa bem verossímel num cenário angustiante.
  A autora conseguiu me envolver e me manter alerta a cada acontecimento, instigando e despertando a minha curiosidade pelo que aconteceu no cativeiro....tenho que admitir que cheguei a ficar impaciente esperando mais detalhes sobre como elas viviam no porão, e somente em quase 90% da leitura minha curiosidade começou a ser sanada em relação a fuga de Sarah.
  É comovente a luta de Sarah pra se adaptar ao mundo e superar seus medos, conseguimos sentir toda sua agonia e desespero provocados pelo pânico que a dominava causados por anos enclausurada. A protagonista teve atitudes tão chocantes em situações tão simples que me fizeram chorar ao perceber como essa mente estava perturbada.
  O sequestrador é repugnante, insano, sádico, me causou nojo e repulsa imaginar que na realidade existem pessoas assim, tem casos reais que essa história nos faz lembrar, é de arrepiar imaginar o que essas mulheres viveram.
"Talvez o universo tenha nos brindado com uma justiça perversa no final."
 Uma história sobre escravidão, tortura e tráfico humano mostrando como a mente do ser humano poder ser suja e doentia.
 Eu recomendo essa leitura, mas vai com a mente preparada pra se sentir enclausurada e em pânico com Sarah.


Avaliação:

58 comentários

  1. Para ser bem sincera, já lendo a sua resenha eu já fiquei tensa querendo saber o que acontece com elas. Esse é um tema que me da muita aflição, mas que prende a atenção.
    bjs
    http://www.letrasdanana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Paty, menina eu recebi como degustação o primeiro capitulo desta historia pela editora, e digo que este capitulo me atiçou a querer saber mais e mais desta historia.
    Hoje eu passando para visitar dou de cara com esta resenha, que somente me deixou mais abismada e ansiosa pela leitura.
    A forma em como você relatou o sofrimento desta personagem dá ate para imaginar, este nosso mundo esta realmente cheio dessas maldades espalhadas. E acredito que esta leitura nos leva mais a fundo.Como disse, se o primeiro capitulo me vez ter vontade de ler, imagine como me encontro depois desta resenha. Preciso ler este livro e descobrir mais, descobrir como ela vai ficar, o que aconteceu ao repugnante sequestrador. Nossa...de tudo!

    Flor parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    http://www.sanguecomamor.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ah eu não leria este livro. Só essa lista do nunca já me irritou, isso é paranóia, as coisas acontecem se tiverem que acontecer, e pelo que você disse o próprio livro prova isso. Mas enfim, não é o meu estilo leitura. Bjs...
    anna-gabby.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oiee Paty ^^
    Não sou muito fã de livros assim, confesso que fico meio paranoica depois de ler thriller...rsrs' mas acho que daria uma chance á esse livro. Parece ser maravilhoso, apesar de um pouco assustador. Quem sabe ele não entra para minha lista de desejados...
    MilkMilks
    DM
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Paty

    Fiquei muito interessada neste livro ao ler sua resenha tão bem escrita!
    A história mostra bem que existe muita gente ruim e com más intenções e não é nenhuma besteira termos cautela no nosso dia a dia.
    Já anotei esse livro na minha lista porque quero saber o que aconteceu com Jennifer e com o agressor.

    Queria aproveitar tbm e dizer que pretendo ler Sob a Redoma e vi que vc está lendo. Vou ficar aguardando sua resenha!

    Super bjos
    http://www.i-likemovies.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eve, na verdade a leitura de Sob a Redoma está pausada.

      Excluir
  6. Eu tinha visto esse livro na minha última ida a livraria, mas não tinha me interessado muito por ele. Agora que eu li a sua resenha ele já entrou na minha lista de desejados. A história parece ser muito interessante e assustadora, mal posso esperar para lê-la.

    Bjs,
    Samira
    http://spoiledonbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Paula Juliana30/11/2013 14:46

    Uma História com um tema bem pesado, mas eu gosto, já li livros sobre trafico humano muito bons e chocantes! Amei a resenha! Ansiosa para conhecer Sarah!

    Beijos


    Tenho um sorteio lá no blog!
    Participe!
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/10/sorteio-livros-perdida-um-amor-que.html
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Não é um livro, é um filme flor rsrsrs.

    ResponderExcluir
  9. Esse foi o primeiro livro que li sobre tráfico humano, e foi um choque porque elas não eram presas somente pra se prostituirem, tem algo que eu nem imaginava envolvido.

    ResponderExcluir
  10. Oi Eve.
    Na verdade a leitura de Sob a Redoma está pausada, eu dei uma desanimada quando comecei a assistir a série, pretendo retomar mas não sei quando ainda.


    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Leia assim que puder.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Juliana Xavier30/11/2013 16:02

    Livros que falam de tráfico humano, apesar de sempre me proporcionarem uma leitura sofrida, geralmente se tornam favoritos. Não tem como não se envolver, ainda mais quando todas as personagens são bem construídas. Com certeza vou querer ler esse também, Paty!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  13. thailaoliveira730/11/2013 16:12

    achei interessante a questão d lista do nunca, mas ao mesmo tempo parece que a pessoa se priva de muitas coisas, como ser feliz, pois tem medo de se machucar!
    e que medo que esses livros me passam, pois retratam a crueldade humana
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Leia Ju, você vai se envolver e não vai se arrepender...até rimou rsrsr.


    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Dryh como eu disse na resenha thriller não me agrada, mas esse me conquistou e me surpreendeu.

    ResponderExcluir
  16. Ana se você já teve uma degustação e se encantou, a leitura completa vai te conquistar.


    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi Nana.
    É exatamente isso, mesmo sabendo que o assunto é denso, conseguimos ficar vidrada nessa narrativa.


    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Realmente é uma ideia paranóica, mas o foco da leitura é bem além disso.


    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Thaila passa muito medo mesmo, mas infelizmente é uma realidade.


    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Diana Canaverde30/11/2013 19:28

    Oi Paty...

    Eu tenho muita vontade de ler o livro, já li algumas resenhas e amo a capa... Mas nesse momento não estou podendo comprar muito livros, porque tenho muitos para ler e estou reorganizando o meu espaço srsrrs. Mas gostei de tudo o que você falou sobre o livro... Eu já me sinto apaixonada pelo Andrew só pelas resenhas que leio desse livro, ainda mais agora que você disse que ele é um fofo e paciente, as vezes nós mulheres precisamos de homens assim, mas fica muito dificil as vezes, porque esse tipo de homem encontramos somente nos livros... Bom quero muito ler e sei que qualquer hora dessas eu vou comprar e ler. Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Gustavo Silveira30/11/2013 19:38

    Nossa, achei o livro meio triste, parece um drama daqueles bem dramáticos rs, com certeza este livro deve ser daquelas historias que deixam a gente surpreso! não sei se teria coragem de ler, gosto de dramas, mas este parece muito triste, muito boa a resenha! Abraços

    ResponderExcluir
  22. Oi Paty!
    Li o 1º capítulo e achei a narrativa da autora muito envolvente, e daquela listinha tem um monte de coisas que eu já faço. Mas não consigo ler esse tipo de livro, fiquei agoniada só de ler a resenha.
    Beijos... Elis Culceag.

    ResponderExcluir
  23. Leitora Voraz30/11/2013 21:30

    Oi Paty,

    tudo bem?

    Esse livro não chamou minha atenção e se a autora fosse criar um personagem totalmente dependente de outro para tomar decisões, deveria o fazer como crítica, então, o desfecho teria que ser diferente.

    mesmo assim, gostei da forma como fez sua resenha.

    beijinhos.

    Cila- leitora Voraz

    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi Paty! Eu achei este livro bem interessante, e tenho certeza que vou ficar impressionada com a história, mas no momento estou nas leituras mais leves, mas ele está sim na minha lista. Sua avaliação cinco estrelas me deixou bem animada. Bjos!!!!

    ResponderExcluir
  25. alininha_lima30/11/2013 22:13

    Oi Paty!

    Confesso que não gostei muito desse livro, assim como vc parece que nadei e morri na praia, o desfecho não chega a lugar nenhum e os personagens são rasos. Agora vou conferir Olho por olho que essa autora escreveu em parceria com outra, vamos ver né?

    Bjs

    Aline lima

    http://alinenerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Leitora Voraz30/11/2013 22:37

    Oi Paty,

    tudo bem?

    O tipo de história que ninguém quer ouvir, porque incomoda. Mas ela tem que ser contada, temos que alertar todo mundo. Parece ser um texto muito forte, concordo com o Gustavo, acho, que não teria coragem de ler, mesmo sabendo da sua importância.

    Beijinhos.

    Cila- leitora voraz

    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Sempre vejo essa capa nas redes sociais e blogs, mas nunca soube do que se tratava a história, é a primeira resenha que leio do livro e confesso que me deixou bem curiosa, gosto dessa pitada de fantasia dos livros e esse amor de família. Adorei sua escrita!

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - plasticodelicblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  28. Nada além do que a sinopse já diz: "Quando seu grande amor deixa de reconhecê-lo, ele precisa se transformar como nunca para tentar reconquistá-lo.", o restante é um pouco da narrativa, mas nada que compromete a leitura.

    ResponderExcluir
  29. Oi!
    Eu ainda não conhecia o livro, mas ele parece ser interessante.
    Gostei da resenha!
    Não sei se o leria, pois algumas coisas não chamam a minha atenção. Mas talvez eu dê uma chance... rs

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. mayla henriky01/12/2013 11:16

    Oi Paty,

    O livro não me chamou atenção, não gosto e personagens que são dependentes dos outros, não tenho muito o que falar, e também não gosto de finais soltos e que sei que não irá ter continuação, bem foi isso o que eu achei !

    Mayla

    http://meulivromeutudo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  31. Patyyyyy
    Eu conheci esse livro quando em um dia quando entrei na Saraiva e vi ele em destaque...
    Li a sinopse e não comprei pois achei que ia me chocar demais e agora, lendo sua resenha tenho certeza que estava certa!
    A luta da Sarah em sair do cativeiro, sua coragem, sua força em se arriscar, deve ser fantástico mesmo.
    Ainda não sei se vou ler pela angustia que ele deve despertar, eu me envolvo demais com os livros e sentimentos dos personagens!


    Beijos
    Chrys Audi
    blog Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
  32. LigiaColares01/12/2013 11:46

    Que situação horrível a de Ruby, Jesus... Estragar um aniversário, esse pai está fazendo isso certo hahaha! Mas essa parte de personagens mal desenvolvidos sempre me chateia... Tanto potencial que os autores as vezes perdem... Nao que isso seja a pior parte, o que mais me mata são os finais hahaha! Nao fiquei com vontade de ler o livro, mas adorei sua resenha sincera! ^^

    ResponderExcluir
  33. Maria Silvana ♪♫♪♫♫♪01/12/2013 11:52

    Oiee Paty =)
    menina ou melhor garota ~vc ser do Rio :P
    Esse também não é meu gênero, mas você fez um resenha tão boa, que estou com vontade ler agora, espero que quando tiver oportunidade eu venha me sentir um tinquim quanto você e já estarei satisfeita!

    Beliscões carinhosos da Máh ♥

    Cantinho da Máh

    @Maaria_Silvana

    ResponderExcluir
  34. Rayra Mirelem01/12/2013 13:08

    Desde que vi esse livro fiquei com muita vontade de lê-lo.
    Acho que vou curtir a história :)


    Beijos, www.rayramii.com

    ResponderExcluir
  35. Oi Paty, tudo bem?
    Esse é um livro que eu gostaria de ler sim, mas não está no topo das minhas prioridades.
    Parece ser uma leitura bem leve, e divertida, mas acho que se tivesse lido o livro há alguns anos, gostaria mais. Apesar dos pontos negativos que citou, acho que vou dar uma chance para o livro algum dia, mas, como disse, não está no topo das minhas prioridades.

    ResponderExcluir
  36. Leticia Lançanova01/12/2013 18:53

    Não conhecia o livro mas adorei! Os quotes selecionados foram bem legais e o gênero desse livro bateu muito com o meu gosto!
    Aprecio muito de livros intensos. Apostaria, sem dúvidas!
    Parabéns pela resenha *---*

    Beijos,

    Le Lançanova

    Palácio de Livros

    ResponderExcluir
  37. É difícil quando não sabemos o que iremos resenhar né? Já passei por situação de amor e ódio com alguns livros.

    Eu tenho esse livro aqui, mas ainda não tive a oportunidade de ler, mas é bom não ir com grandes expectativas.

    Beijinhos

    As Leituras da Mila

    ResponderExcluir
  38. Jacqueline de Andrade01/12/2013 21:50

    Oie Paty
    eu amo thrillers, e este livro está na minha meta de dezembro! Já estou ficando mega curiosa quanto a história, e acho que vou até passar na frente dos outros. ótima resenha. Bjos www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  39. Diana Canaverde01/12/2013 22:34

    Nossa flor, pelo o que você descreveu já me senti sufocada, eu fico cada vez mais enojada com a mente doente de algumas pessoas, isso é horrível, aliás não existe palavras para definir o que um homem desses pode fazer... Mas enfim é um assunto super intenso. A sua resenha me despertou para leitura desse livro, quero conhecer mais a fundo esse assunto e saber como se deu essa história. Xero!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  40. Gente quando a literatura envole coisas verídicas eu simplesmente AMO *-* adorei de mais esse livro, ele é tão misterioso e tão perfeito, ja ta na minha lista <3

    XOXO :D
    Joven Clube || Offical

    ResponderExcluir
  41. Oi Paty,

    sei como é essa sensação. O livro parece ser bem Clichê, não o li e acho que vou pensar se vou colocâ-lo na minha lista ou não!

    Beijos,

    Priscila Yume
    http://yumeeoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  42. Gladys Sena02/12/2013 02:12

    Oi Paty!

    Não conhecia esse livro.

    Gostei da sua resenha, mas não o leria. É uma trama muito densa para mim...

    Bj!

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  43. Oi linda! aqui no serviço as imagens foram bloqueadas, tive que ir no google ver alguma imagem q não fosse bloqueada. Pena que a leitura teve autos e baixos assim, gosto quando os personagens me cativam, se aprofundam e se auto-explicam. Me parece q não foram mesmo convincentes aqui, não sei se eu leria. Já tenho tantos livros na frente. mas se um dia aparecer, por que não? Gosto as vezes de algo leve e parece ser um livro rápido ♥

    Um abraço!
    Pan
    http://pansmind.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  44. Oi Paty, tudo bem?
    Gostei da sua resenha e me interessei pelo livro sim. O que me atraiu na sua resenha foi o fato de você dizer que os personagens foram bem caracterizados, que a autora conseguiu te envolver, que o ritmo da história foi bom e que foi comovente. São características que me atraem muito à um livro, por isso me interessei por ele.
    Beijos e boas leituras!

    ResponderExcluir
  45. lutazinazzo02/12/2013 17:40

    Está aí um livro que nem tinha me passado pela cabeça, mas agora fiquei interessada. Meu Kindle chega esta semana, então quem sabe eu não leia o e-book também _o/


    Ótima resenha, Paty!


    Beijos!

    ResponderExcluir
  46. Lu nada substitui os livros físicos, mas o kindle é tudo de bom, facilita demais minhas leituras, super prático.

    Beijos

    ResponderExcluir
  47. Van/Blog do Balaio04/12/2013 13:54

    Pronto, já estou com a mente preparada para o livro, agora quero ler!!!

    Eu adoro livro fortes e sempre estou na pilha pra ler algo assim.

    Beijão, Van - Blog do Balaio

    balaiodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  48. Oi Patty eu gostava muito de ator, depois de ver inumeras vezes com meu filho Velozes e Furiosos, pois ele adora, não conhecia esse filme vou ver depois! bjkas

    ResponderExcluir
  49. Marco Antonio05/12/2013 16:05

    Olá Paty,

    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui no seu blog, gostei demais e sua resenha me deixou bem curioso....dica anotada...abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  50. Marco Antonio05/12/2013 16:23

    Olá Paty,

    Meus parabéns...e que venham muitos anos pela frente....abraços e sucesso.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  51. O livro é um thriller muito bom, você não vai se arrepender de ler.

    Até mais.

    ResponderExcluir
  52. Marco Antonio06/12/2013 07:06

    Ele é um dos estilos de livro que gosto....abraços.

    ResponderExcluir
  53. Sora Seishin06/12/2013 10:32

    Oi Paty!

    Não conhecia esse livro, mas a história parece mesmo ser assustadora. E o pior é imaginar que poderia acontecer na vida real!

    Beijos,

    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  54. Era uma vez...13/12/2013 15:53

    Olá,
    Estou aqui com esse livro para ler, mas não me animei Mas, ela chegou super bem recomendado por mim. Esse será meu segundo New Adult, o que é bom já que estou mais receptivo com o gênero.

    Lucas - Carpe Liber
    livrosecontos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  55. sempre vejo resenhas boas sobre esse livro, mas nao sou muito curiosa para ler ;/

    Beijos, http://meuvicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  56. Nana Barcellos18/01/2014 03:48

    Filme parece ser bem bacana

    Estou bem curiosa para assistir, ainda mais com Paul...talvez o último filme que veremos dele =/

    Gostei da premissa!

    bjs e bom final de semana

    Nana - Obsession Valley

    http://www.obsessionvalley.com/

    ResponderExcluir

Não deixe de comentar,a sua opinião é muito importante. Agradeço a sua visita.


Leituras da Paty - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥