09 janeiro, 2014

Resenha Rose na Tempestade




Sinopse: No meio de uma terrível nevasca, a cadelinha Rose insiste em dar conta de seu trabalho como pastora enquanto nos deixa a par de suas curiosas reflexões: onde está Katie, que ela nunca mais viu, embora seja capaz de sentir sua presença em todo lugar? Quem será aquele cachorro selvagem que parece seu amigo? Por que Carol, a mula, fica parada mesmo debaixo de toda a neve que cai? E onde foi parar Sam, que sumiu depois daquele barulho todo? Mas Rose não tem muito tempo para suas reflexões divertidas — e às vezes bem corretas. Agora ela deve voltar sua atenção para uma coisa muito mais séria: correr atrás de Sam, tentar encontrá-lo e, quem sabe, salvá-lo. No entanto, alguns perigos podem ser intransponíveis para uma cachorrinha...

Autor: Jon Katz
Editora: Novo Conceito
Páginas: 240


Sobre a História e Minha Opinião

  Não é novidade pra ninguém aqui que sou apaixonada por cachorros, e Rose na Tempestade era uma leitura certa.

 Rose é uma cadela que vive para o trabalho, se dedica a isso: cuidar da fazenda e fazer com que tudo siga a rotina que está acostumada. 
Não permite que lhe façam carinho, e não compreende o que seu dono Sam quer dizer quando usa um tom mais tranquilo e amável.
Sam e Rose moram sozinhos na fazenda, que conta com vários outros animais como galo, mula, ovelhas, e todos tem seu momento na narrativa, o que nos situa melhor sobre a vida na fazenda e a importante função de Rose.
"Rose essa pequena cachorra preto e branco, com olhos penetrantes, que se movia com rapidez e confiança."
 Com a chegada de uma grande tempestade de neve Rose se mostra ainda mais atenta às suas tarefas e aos animais da fazenda.
 Vigilante durante toda nevasca, ela passou por situações complicadas, delicadas e aterrorizantes, se colocando em várias situações de risco para manter a fazenda em ordem, da forma como ela está acostumada. Mas as coisas não são simples, e o mapa de trabalho que ela tem em mente não é funcional na tempestade, e ela tem imensa dificuldade em aceitar e entender isso.
"Rose nunca fugira, nunca recuara, nunca deixara de fazer seu trabalho."
 A narrativa é feita por Rose e por Sam.
 Rose nos dá uma ideia de como ela pensa e entendemos o porque de suas atitudes. Uma forma diferente de narrativa vendo o mundo pelos olhos de um cão, mas funcionou, e só ajudou ainda mais na conexão com Rose, tive uma percepção clara de suas ansiedades, preocupações e responsabilidades.
"Ela era dedicada, séria e inteligente.."
 A leitura é leve e a narrativa tranquila, mas pensei que Rose na Tempestade fosse me oferecer mais, achei que a história demorou a se desenvolver, houve muitas repetições de fatos e situações que não vi necessidade, isso me desestimulou um pouco. E eu não consegui sentir emoção, a narrativa segue sempre o mesmo ritmo, independente se Rose está pastoreando ou passando por uma situação tensa. Mas o carisma, a persistência e a dedicação de Rose me cativaram.
 Enfim, façam a leitura e conheçam essa border collie fiel e leal.


Avaliação:


17 comentários

  1. Oi Patty :)


    Esse livro não me chama atenção, por causa da constante enrolação que o autor faz na obra, isso meus amigos me disseram no Whatsapp e percebi aqui na sua resenha. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. carolina lana09/01/2014 12:26

    Nunca li um livro em que um animal narrasse, confesso que a ideia não me atrai muito. Uma pena que não foi tudo o que você imaginava, já passei por leituras assim.

    Beijos

    http://livrosecafelatte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. thailaoliveira709/01/2014 13:51

    adoro história de cachorros! acho emocionante a fidelidade deles!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oie Paty um livro pelos olhos do cão deve da uma nova visão para estória, mas que chato que a estória demorou a desenvolver não curto narrativas assim tmb! Bjs

    http://contodeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Barbara Algazi10/01/2014 03:25

    Não gosto de histórias com cachorros :( qualquer coisa que acontece ja tenho dó hahahaha

    Beijos
    www.barbaraalgazi.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Paty! Tudo bom?

    Gostei da narrativa ser feita em alguns momentos pela cadela, deixa um diferencial.
    Provavelmente não leria este livro, apesar da diferença da narração, a história dele não me atraiu muito, e também pelos comentários que você fez.
    Enfim, bela resenha. :D


    Beijos,
    Gabriella Suzart
    http://mbgsuzart1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Jéssica Neves10/01/2014 18:58

    Adoro livros que contam histórias de animais (Marley e eu que o diga). Mas gosto ainda mais daqueles me emocionam bastante e esse pelo visto não vai me emocionar também (não curto livro com começo demorado). Mas quem sabe algum dia eu tiro essa dúvida e leio também né.
    Adorei a resenha flor :**

    quenerdissealice.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá Patty!

    Tudo bom? Desde o lançamento estou doida por esse livro. É bom saber que podemos ver a versão do Sam e da Rose de como a história se passa. É uma pena que a história demorou a se desenvolver, pois isso cansa o leitor.

    Amei sua resenha e gostei dos seus pontos de vista!

    Beijinhos

    As Leituras da Mila

    ResponderExcluir
  9. Fevereira Fevereira10/01/2014 20:46

    É bem interessante, gosto muito desses livros que discorrem a vida de animais!

    http://newbloggerthemes.com/

    ResponderExcluir
  10. Gabriel Rezende10/01/2014 23:11

    Desde o lançamento não havia me interessado por esse livro, a capa não me chamou atenção e a história muito menos. Não curto muito livros que tratam da vida de animais e as mudanças que eles podem trazer ao ser humano.
    De qualquer forma, adorei a resenha e conhecer mais um pouco do livro!
    Beijo
    Gabriel - Blog Corações de Neve

    ResponderExcluir
  11. Paula Juliana10/01/2014 23:39

    Oi Paty! Já vih algumas opiniões iguais a sua, de pessoas que esperavam mais do livro!
    Por agora não faz parte da minha lista! Boa resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Filipe Laia10/01/2014 23:48

    Não sou muito fã de animais não e por isso não tenho muito interesse de ler.
    Até que a promissa é legalzinha, mas vou levar sua opinião em conta. Não gosto de livros lentos e repetitivos.
    Valeu pela resenha!


    Abraços
    www.booksever.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Eu não sou muito fã de livros sobre animais, não sei pq...
    E vendo que o livro por vezes se torna repetitivo não me dá vontade de ler...=/

    Beijos...
    http://ceciliabraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Solange Ralo11/01/2014 12:27

    Olá, também como você sou louca por animais e em especial por cachorros, tenho 5 kkk.
    Também tenho grandes expectativas de ler esse livro, por se tratar dessa cachorrinha Rose, não sabia que o livro foi feito pelos olhos dela, uma pena a narrativa se seguir um pouco devagar,
    bjs

    http://www.loveebookss.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Nina Xaubet11/01/2014 13:28

    Oii Paty!
    Owwn, adoro filmes e livros de cachorros e animais, mas eu fico com uma dó de ler, porque se o final não é feliz, depois eu fico me remoendo de tristeza. kkk

    Mas assim, alguns livros eu acho que acabam be,m repetitivos, como a Cecilia B. disse. Mas sobre esse ainda não ouvi falar.

    Beijinhos,
    Nina Xaubet
    Storytime, Storyteller

    ResponderExcluir
  16. Juliana Xavier11/01/2014 15:48

    A Rose me cativou também, Paty!! E acho que você tem razão, poderia ter sido uma história mais emocionante. Eu não sou apaixonada por cachorros como você, rs, gosto mais dos gatos, mas filmes e livros de cachorros me atraem. Gostei da história mesmo com as repetições e com a lentidão do desenvolvimento, mas realmente poderia ser um livro bem melhor.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  17. Li algumas resenhas sobre esse livro, mas nenhuma me mostrou o panorama que encontrei na sua resenha. Parabéns assim pude ter uma noção do que encontrar no livro, assim posso ser mais claro se for indicar ele, mesmo sem ler =)
    Poucos foram os livros que li onde os bichos são o centro da narrativa, mas gostei dos que li. Valeu pela dica.

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir

Não deixe de comentar,a sua opinião é muito importante. Agradeço a sua visita.


Leituras da Paty - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥