20 junho, 2014

Resenha Enquanto a Chuva Caía



"Alguns dias duram semanas."

Oioi galera, como estão?
E a leitura por aqui esse mês está de vento em polpa, isso se deve ao fato de só ter lido livros bons...maravilha!!!
A resenha de hoje é livro de parceria, cedido pela editora Novo Conceito.



Sinopse: Erik não procura mais a garota dos seus sonhos. Vive em busca de adrenalina e de uma razão para continuar cumprindo tarefas obscuras. Ele sabe que é muito bom no que faz e não vê nada que possa ser melhor do que os seus dias repletos de perigo. O que Erik não esperava é que sua paixão por correr riscos seria a sua ruína. Ameaçado, ele precisa fugir para o exterior e viver disfarçado de cidadão comum, trabalhando como advogado em uma grande empresa. Marina comanda o império da família depois de seu pai ter sucumbido ao mal de Alzheimer. Precisa suportar ver os pais tombarem diante da ação implacável do tempo, enquanto ainda carrega a ferida provocada pela morte do jovem marido. Com o comando das empresas nas mãos, ela percebe que nem todas as atividades da corporação obedecem aos manuais de boa conduta. Quando ambos se encontram, presente e passado se misturam, dando início a um mistério arrebatador que os atrai a uma paixão incontrolável. No entanto, os segredos, cedo ou tarde, virão à tona e os colocarão em lados opostos da balança. Nenhum dos dois é inocente, mas será que eles aceitarão as verdades que tanto se empenham em esconder? É possível construir um futuro mesmo depois de descobrir que nesta história não há mocinha nem herói? 
Editora: Novo Conceito
Autor: Christine M.
Páginas: 288

Sobre a História e Minha Opinião

Sabe quando você se surpreende tanto com uma história e fica até difícil falar sobre e expor os pontos que mais gostou?...sou eu nesse momento com esse livro da Christine.
Podem perguntar em que mundo eu vivo, mas a verdade é que na minha cabeça eu ainda não conhecia a autora(só depois me dei conta de que ela era a autora de Sob a Luz dos seus Olhos rsrs), e foi por isso que logo que recebi esse livro decidi que ele não passaria muito tempo parado na estante.

Começamos a história conhecendo Erick, ele é acostumado a uma vida agitada e incomum, é advogado por formação, mas trabalha como agente duplo, cuidando e se livrando de toda a sujeira, e ele gosta do faz, não se vê tendo uma vida pacata. 
Até que ele sofre uma ameaça, e começa a achar que é hora de desacelerar e ter uma vida normal, acaba sendo obrigado a deixar o país e inventar uma nova vida em Nova York.
Marina ficou viúva muito cedo, e antes do previsto assumiu os negócios da família. O pai estava com Alzeimer e a mãe precisava cuidar dele.
Ela levava a vida sem empolgação e apesar de ter obtido sucesso ao levar os negócios adiante, ela sentia falta dos pais na empresa, e a perda do marido há 2 anos ainda não foi superada, como um ritual ela visita diariamente o cemitério.
Sem grandes perspectivas, sem sonhos, sem planos e projetos ela vai passando os dias.
Dois personagens com uma carga de vida pesada, com seus lados sombrios, seus segredos e fantasmas. Duas vidas opostas que acabam se cruzando de uma forma inusitada.

Temos duas histórias distintas alternando a narrativa entre Marina e Erick,
mas isso não fica claro, e acabou tornando a leitura muitas vezes confusa, eu nunca sabia quem estava narrando, muitas vezes me deparei com a narrativa dos dois num mesmo capítulo sem nenhum aviso prévio. Eu estava lendo um capítulo narrado pela Marina e de repente já está sendo narrado pelo Erick, achei que nessa parte houve falha.

Esse foi um livro que peguei sem expectativas, e fui me envolvendo, querendo desvendar os segredos de cada um, tentado descobrir de onde partia cada armação, e torcendo para que o romance entre o casal fosse bem sucedido vencendo todo o emaranhando de situações nebulosas que aos poucos foi se revelando.
Será que eles conseguirão ficar juntos e vencer toda a sujeira que os cerca?
Não temos aqui um romance água com açúcar nem um romance 'quente', temos um romance bem construído e uma história  permeada segredos.
"...pensar só traz perguntas, e eu não aguento mais essa falta de respostas." pág 49
Vamos falar sobre o Erick? 
Gente, vocês não tem ideia do homem que a autora criou, eu amei, me diverti demais com o jeitão encantador dele: bonito, ousado, vaidoso, convencido, petulante e confia demais no próprio charme...conseguiram 'modelar' o sujeito? Preparem-se pra suspirar com as tiradas dele.
"Eu sou o cara marrento que acredita que pode resolver tudo com a ajuda de um Q.I elevado, tecnologia e charme." pág 133
Já Marina não é daquelas mocinhas frágeis não, serena sim mas forte e decidida.

No início de cada capítulo temos o trecho de uma música, e dá pra fazer uma trilha sonora da história com perfeição, amei encontrar ali Jota Quest, Marisa Monte, Maria Gadú, Zélia Duncan e outros.
Pra finalizar, a autora me conquistou logo nos primeiros capítulos quando senti uma diferença na sua narrativa palpável, inteligente, coerente, contagiante e surpreendente.


Avaliação:

A Autora: Já foi bailarina e sempre sonhou em ser artista, mas se perdeu desse caminho e acabou no ramo empresarial. Ficou por lá muito tempo, mas, no fim, se rendeu ao inevitável: às letras. A arte veio, transformou, ficou e venceu. Sempre se denominou "escrevedora", mas está descobrindo o prazer da palavra "Romancista". É a caçula da casa, mas sofre da síndrome da irmã mais velha. Casou-se aos vinte e cinco anos e é mãe de uma garotinha que agraciou toda a sua existência. A vida nem sempre se mostra fácil, mas ser feliz lhe cai bem e, por isso, ela sempre persiste e resiste.
 photo ass_zps351ff495.png

31 comentários

  1. Amei a resenha.
    Fiquei muito curiosa para ler o livro e saber mais sobre a Marina e o Erick.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Achei a premissa do livro interessante, mas ainda não sei se leria. Não é exatamente o meu tipo de livro favorito.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho

    ResponderExcluir
  3. Olá, Paty! Recebi esse livro também e acho que será minha próxima leitura, pois parece ser muito bom! Fico tão feliz de ver que os autores nacionais estão ganhando cada vez mais espaço *-*

    Beijinhos!

    Bia - Blog Escrevendo Mundos

    ResponderExcluir
  4. Oi Paty :)

    Esse livro já foi adicionado na minha lista de desejados, pois a premissa me chamou muita atenção e a sua resenha igualmente. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. da pra ver que você curtiu a leitura, esse livro está na minha lista de desejados e eu espero ter boas impressões tal como você
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    O livro apesar de ser um romance não me chamou muito atenção, tem uma sinopse bem legal e pelo que voce citou parece ser bem bom mas não sei se leria.
    Beijos
    Guilherme - http://leituraforadeserie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Nossa, vc já leu o seu exemplar, eu nem consegui me organizar para ler ele ainda, hehe, são tantos na fila que me sinto meio perdida. Nunca li nada da autora, mas tenho muita curiosidade. Que bom que gostou do livro.

    Beijoks, Van - Blog do Balaio
    balaiodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oie, Paty!
    Eu estou bem curiosa para ler esse livro, pena a variação repentina de narradores, mas faz parte. rsrs
    Esse parece ser um daqueles mocinhos marcantes hahaha
    Ah... Já ia esquecendo! Obrigada por contar da trilha, não sabia desse detalhe e é um detalhe mega importante, pois eu amo ler ouvindo música! <3
    Letras & Versos

    ResponderExcluir
  9. Olá, Paty! Tudo bem?
    Confesso que, a princípio, o livro não chamou muito a minha atenção quando foi lançado, mas estou gostando tanto de ler resenas positivas sobre a trama que, definitivamente, darei uma chance! Nunca li nada da Christine também e está aí uma ótima oportunidade de conferir como é a narrativa dela, sei que esse não é o meu gênero favorito, mas estou curiosa o suficiente para poder arriscar! Bjs
    Jéssica - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Paty, tudo bom?
    Eu já estava doida para ler esse lançamento da NC e depois da sua resenha fiquei ainda mais curiosa. Amo esse tipo de romance que nos conquista aos poucos e que não apela para cenas sensuais. Mesmo com esse problema na narrativa, acho que ele merece a chance de ser lido.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Paty, deixa eu começar falando que ADOREI o novo layout =D
    Sobre o livro tenho curiosidade em ler, mas pelo que andei vendo sobre o livro tem opiniões bem conflitantes, pretendo ler e ver o que acho
    bjos
    Pah
    dicalivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Já estou com esse livro aqui
    Mas ainda não tive tempo de pegar para ler
    Gostei da resenha
    Já estou seguindo *~

    Beijos
    |•| http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Paty!
    Essa será uma das minhas próximas leituras, que bom que o livro te surpreendeu positivamente, é ótimo quando isso acontece em nosso primeiro contato com o autor. Adoro trilha sonora em livros :)
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  14. Oi Paty! Teu blog está lindo *----*
    Pretendo ler esse livro em breve, ele parece muito bom e tua resenha me deixou com mais vontade de lê-lo!

    Beijoo
    Lara - Magia Literária
    http://www.magialiteraria.com/

    ResponderExcluir
  15. O livro parece interessante! Capas com fotos assim me incomodam, principalmente porque eu gosto de imaginar os personagens do meu jeito, mas a proposta pareceu rica e válida. Não sei se estou na vibe desse tipo de leitura mas vou guardar o título, quem sabe, né?

    Beijão, Paty!

    ResponderExcluir
  16. Gente achei tão linda a capa desse livro, e agora com sua resenha fiquei mais ainda entusiasmada, bem diferente e tocante!
    Bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  17. Ola tudo bem? só de saber que tem uma trilha sonora acompanhando a trama me deixa super curiosa, eu AMO livros assim. Sendo nacional ainda: Perfeito!

    Adorei a premissa e estou já procurando o livro espero ter a oportunidade de ler em breve.

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  18. Amiga eu ainda não tive chance de ler esse livro, mas por tudo que você disse na resenha me deixou ainda mais curiosa. Eu ia ler ele nesse mês de junho, mas o livro O DIAMANTE acabou me atrasando um pouco =/ Ai acabei deixando para ler em outro momento. Espero gostar muito dessa leitura, pois todos tem falado muito bem dele.
    Adorei o seu ponto de vista sobre a história e principalmente sobre o mocinho gato que tem hahahha...A gente sempre quer um desses, pena que só existe nos livros né? Fazer oq !! =/


    Enfim...Só tenho que te dar os parabéns e dizer que estou sempre PRESENTE em tudo que vc for postar...AMO SEU BLOG...admiro muito seu trabalho aqui e espero continuar acompanhando. bjokas linda

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Também sempre tenho mais dificuldade de falar dos livros que gosto do que dos que não gosto. Sempre parece que minhas palavras não estão sendo suficientes para descrever a grandiosidade do livro!

    Adorei a resenha e a história me chamou a atenção, adorei saber que temos ai mais um bom livro nacional.

    Beijos
    Porão da Liesel

    ResponderExcluir
  20. Oi Paty,

    Não conhecia o livro, mas gostei da história, o enredo e saber que você devorou o seu e gostou, me motivou a querer ler também!
    Beijos,

    --
    Priscila Yume
    http://yumeeoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi, Paty! Ao contrário de vc, essa mudança de narrador não me incomodou. Na verdade, só reparei que não tinha marcação da mudança quando vi a primeira resenha criticado isso. Acho que eu encarei como um desafio, saber de quem era a voz do momento.
    Amei Sob a Luz dos Seus Olhos, então já fui tranquila pra essa leitura, sabendo que ia ser um arraso! E foi! Ainda bem que a NC resolveu acordar e publicar nacionais, porque têm sido os melhores lançamentos ultimamente.
    Beijinhos!
    Giulia - Prazer, me chamo Livro

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Eu amo a Chris os livros dela mexem com o coração do leitor. Já li todos livros dela e me emocionei muito. Marina e Erick são personagens bem construidos e carismáticos.
    Adorei a sua resenha, você expos os melhores pontos do livro.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oiiiiiiiiii
    Esse livro já havia me chamado a atenção na livraria no final de semana, agora lendo sua resenha... com certeza vou correr atras!

    Bjocas

    ResponderExcluir
  24. Olá Paty,

    Essa é a segunda resenha que leio desse livro e ambas positivas, espero gostar também....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oieeee, primeiramente o que chamou minha atenção para o livro foi a linda capa, a mesma conseguiu me conquistar de primeira rsrs, estava com receio de não gostar muito do livro, apesar de ouvir criticas positivas, também já ouvi algumas negativas kkkk, amei a parte onde você disse sobre o trecho de música no inicio de cada capitulo, amo montar trilhas sonoras para ouvir enquanto leio rsrs e fiquei apaixonado pela novidade. Espero gostar da leitura e claro, da trilha sonora, porquê o livro em si (capa) já me conquistou deste a data de lançamento rs, Abraços.

    http://vampleitores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. A NC tem arrasado no lançamento dos nacionais! Apesar de alguns pontos negativos, eu só tenho lido boas resenhas sobre esse livro. Já procurei para comprar e em breve pretendo estar com o meu nas mãos!

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  27. Oi Paty,

    Garota estou aqui já suspirando pelo Erick, acho que vou me apaixonar. rs. Já li algumas resenhas positivas da obra, mas a sua, decididamente me convenceu a comprar e investir no mundo de Marina e Erick. Algumas outras coisas chamam minha atenção: como o fato dele ter sido agente, como o pai dela ter Alzheimer, quero ver como a autora tratou este tema e como a família lidou com ele, se é que foi trabalhado tudo isto no livro.

    Listinha querida, você só cresce, eis mais livro para você!. rsrsrs

    Bjs
    Tânia Buen
    Faces da Leitura

    ResponderExcluir
  28. Olá Paty, tudo bem??
    Menina... cada vez que leio uma resenha desse livro fico com mais vontade de fazer a leitura dele e definitivamente ele está na minha lista de desejados para compras na Bienal de Sampa... A parte da narrativa intercalada não me desanima... só espero não ficar confusa demais... mas se a leitura fluir como todos falam que acontece não haverá problemas de voltar um pouquinho para melhor entendimento... Xero!!!

    ResponderExcluir
  29. Como assim, Paty, você ainda não tinha percebido que o livro era dela? rs... Ainda não li nada da Christine, mas vou começar por esse, será uma das minhas próximas leituras. Só vejo resenhas positivas e estou super curiosa para conhecer a história, realmente todo mundo diz que tem algo de diferente na escrita dela. E viva a mocinha por ser forte e decidida!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  30. Olá

    Apesar de eu não ter me interessado tanto pela história, achei incrível os trechos de músicas no começo dos capítulos. Ótimo que ela usa artistas nacionais. Parabéns e sucesso para autora!

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  31. Fiquei muito curioso quando vi a capa e ainda mais curioso depois de ler a resenha. Abraços.


    Likelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir

Não deixe de comentar,a sua opinião é muito importante. Agradeço a sua visita.


Leituras da Paty - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥