20 outubro, 2014

Editora Valentina e suas Novidades - O Livro do Perdão




O que devo fazer para perdoar?




O Arcebispo Desmond Tutu, detentor do Prêmio Nobel da Paz, testemunhou alguns dos piores crimes que o ser humano possa cometer contra seu próximo. Onde quer que vá, invariavelmente ouve a mesm­a pergunta. Este livro é a resposta. Escrito
em parceria com sua filha Mpho, uma sacerdotisa da Igreja Anglicana, Tutu expõe verdades simples, mas profundas, sobre o significado do perdão, sua dinâmica,
por que todos precisam saber como concedê-lo e como recebê-lo, e por que perdoar é o maior presente que podemos dar a nós mesmos quando alguém nos fere.
Pai e filha explicam o processo dos quatro passos do perdão: Contar a História,
Dar Vazão à Mágoa, Conceder o Perdão e Renovar ou Abrir Mão do Relacionamento, além de oferecerem meditações, exercícios e orações para orientar o leitor ao longo do caminho.
“Com cada ato de perdão, seja ele pequeno ou grande, avançamos em direção à completude”, escrevem. “O perdão é o modo como trazemos paz a nós mesmos e
ao mundo.”
“A qualidade da vida humana no planeta nada mais é do que a soma total de nossas interações diárias. O perdão é o modo como corrigimos essas interações. É o modo como remendamos os rasgões no tecido social. É o modo como impedimos que a nossa comunidade humana se desintegre. Este livro é um convite para que você
trilhe conosco o caminho do perdão.”
PORQUE O PERDÃO É O NOSSO MAIOR DOM E A NOSSA ÚNICA ESPERANÇA.

Categoria: Não-ficção, autoajuda
Páginas: 240
Ebook: R$. 19,90
Preço: R$. 29,90


SOBRE OS AUTORES


O Arcebispo DESMOND M. TUTU foi o ganhador do Prêmio Nobel da Paz de 1984 e recebeu o Prêmio Templeton em 2013. Tutu foi presidente, de 2007 a 2013, da associação The Elders. Em 2009, recebeu a Medalha Presidencial da Liberdade. Em 1994, foi eleito presidente da Comissão da Verdade e da Reconciliação da África do Sul, onde propôs uma nova forma de superação para países vitimados pela opressão e pelos conflitos civis.

A Reverenda MPHO A. TUTU ocupa o cargo de diretora executiva da Desmond & Leah Tutu Legacy Foundation. Saiba mais sobre os autores em www.tutu.org.za.




 photo ass_zps351ff495.png

23 comentários

  1. Não fã desse gênero, mas quando o livro é bom não importa de que gênero ele é. Esse me conquistou, de verdade. Acho que é disso que as pessoas precisam hoje em dia, de perdoar e ser perdoado. A mágoa corrói a alma e deixa feridas que nunca cicatrizam.

    Beijos
    O Outro Lado da Raposa

    ResponderExcluir
  2. parece ser um livro legal, mas não faz meu estilo.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  3. Oie, tudo bom?
    Eu leria esse livro, pois fala sobre perdão e acho que o ser humano vive tentando perdoar as pessoas. Aliás, perdoar é algo extremamente difícil e sempre precisamos praticá-lo.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Confesso que esse não é um gênero que eu leia constantemente, mas parece ser um bom livro. Talvez eu dê uma oportunidade.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de outubro

    ResponderExcluir
  5. achei a capa incrível e a proposta mais ainda!
    como a Aline disse perdoar é dificil e quanto mais aprenderemos sobre melhor
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Hey, Paty!

    Embora o livro não se enquadre em meu gênero literário favorito, achei a capa muito bem trabalhada e a premissa bastante bacana! É de autoajuda, mas tudo bem, haha! Talvez eu dê uma chance para ele ;)

    Até logo,
    Sérgio H.

    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Paty!
    Auto Ajuda não faz meu estilo então é bem provável que eu não compraria esse livro para ler. bjs
    Blog:
    Cantar Em Verso . Fbook Cantar em Verso
    Pessoal:
    Fbook . silvianecasemiro@gmail.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Paty, tudo bem?
    Esse tipo de livro não faz muito meu gênero, mas gostei bastante da capa.
    Acho que não lerei esse livro em um futuro próximo, mas quem sabe um dia, né?!

    Beijos,
    Amanda
    http://minhasconfissoesfemininas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Ola Paty adoro livros que trazem mensagens de vida, e aprendizados nos fazem refletir. Já anotado para ler e resenhar. beijos lindona

    Joyce
    www;livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  10. Olá

    O livro parece ser interessante, mas ainda tenho certo receio com ele. Quem sabe, se tiver a oportunidade acabe lendo, mas por enquanto me mantenho distante da obra. Aliás, Desmond é um nome diferente e muito bonito haha

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Paty!
    Não me interessei pelo livro, livros de auto-ajuda não são pra mim =/ rsrs Bem que eu queria gostar de ler livros com essa temática, mas não consigo.
    Você vai lê-lo?
    Se for, vou aguardar sua resenha, quem sabe eu mude de opinião e dou uma chance ao livro?

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Paty
    Sim, faço parte do time que detesta auto-ajuda. Porém, eu vejo neste livro a possibilidade de crescimento pessoal. Aprender perdoar e fazê-lo com verdade é muito nobre. Acredito que haverão muitos relatos emocionantes e lições de vida.
    Fiquei bem interessado. E essa capa? Linda!!

    Abraço
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com || http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Os livros de auto-ajuda não costumam me atrair, mas achei que o tema pode trazer bons ensinamentos. Eu provavelmente não irei ler, mas estou pensando em dar de presente ao meu pai. Ele está fazendo o curso de teologia e acho que tem tudo a ver. A final de contas, perdoar é algo divino né rs.
    Vou agradar e de quebra terei essa capa linda na minha estante <3

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  14. Oi Paty. Não é un gênero que eu leia muito, mas gostei deste livro. É um livro que eu leria.. Pois é um assunto que me deixa com bastantes dúvidas. O perdão não é algo faço de aceitar e eu respeito e admiro quem consegue. Este livro é mais que um auto-ajuda, me parece como ensinamentos para crescermos espiritualmente e psicologicamente.

    Beijos
    Leitora sempre

    ResponderExcluir
  15. Oi Amiga,
    Infelizmente o tema não chamou a minha atenção, apesar da belissima capa! Acho que é uma leitura muito direcionada e não sou o público alvo!
    Fica para a próxima.
    Beijos
    Chrys Audi
    Blog Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
  16. Não é de um gênero que eu costumo ler, mas me interessei mesmo assim. Esse tema do perdão é algo que chama a minha atenção, então acredito que vou ler.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  17. Oi flor!
    Não sou a maior fã de auto-ajuda, mas achei a premissa dessa obra bem interessante... Porém, fiquei pensando sobre o assunto abordado enquanto lia seu post, e cheguei a conclusão que esse tipo de livro é aquele que devemos sempre ter por perto para buscar algum 'conselho'... Perdoar é uma coisa difícil, confesso... Mas a sensação de paz que sentimos quando realizamos esse ato é impagável!

    Beijos,
    Cássia
    www.procurei-em-sonhos.com

    ResponderExcluir
  18. Olá

    Sinceramente, este livro não me chamou a atenção, mas a capa está muito bonita e estória parece ser um drama promissor. Vou aguardar resenhas dele para saber a opinião dos leitores antes de me aventurar.
    Abraços

    estantejovem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oi Paty, tudo bem?
    Esse assunto sempre mexe comigo, gosto muito de ouvir falar sobre ele, me faz bem. Não sabia que ele era um dos vencedores do Nobel da paz, fiquei impressionada e a filha dele a medalha presidencial da liberdade. Eu ficaria feliz em ler esse livro, a Valentina está arrasando nos lançamentos.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Confesso que gostei e ao mesmo tempo não gostei desse livro, ele traz um tema bem bacana, mas eu não sei se gostaria de ler ele, quem sabe depois que eu ver alguma resenha eu me decida, né? kkk

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Ei Paty, tudo bem?

    Legal um arcebispo e uma reverenda fazerem um livro juntos. Não é o meu gênero preferido, mas eu leria por curiosidade.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    pela sinopse me pareceu ser um livro interessante, mas confesso, que este tipo de leitura não me agrada.
    Quem sabe um dia? :/

    Beijooos!
    Vivendo em Livros

    ResponderExcluir
  23. Oi, Paty! Essa capa tá lindona e bem.chamativa, só que não me interesso por livros de autoajuda.
    É um tema bem necessário, mas ao mesmo tempo muito difícil de ser trabalhado.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir

Não deixe de comentar,a sua opinião é muito importante. Agradeço a sua visita.


Leituras da Paty - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
Miss Mavith - Design with ♥